terça-feira, 3 de junho de 2014

O TEMPO DE TUDO.



Existe um tempo para tudo:
tempo de querer, 
tempo de olhar...
de encontrar.

O tempo vai seguindo:
tempo de pedir,
tempo de tocar,
tempo de sentir...
de amar.

E o tempo vai terminando:
tempo de cansar,
tempo de observar,
de acariciar.

E enfim, chega o o tempo final:
tempo de abraçar,
tempo de despedir,
tempo de partir...
tempo de não voltar,
tempo de lembrar...

Tempo de olhar fotografias,
tempo de esquecer
e de seguir em frente,
mesmo sem querer.

Texto de Pedro Paulo de Oliveira.

Imagem: colunas cbn
Postar um comentário